Veja quais são os ‘outros’ vírus que podem causar gripe

Notícias 2019 Adicionar Comentário

Muitas pessoas tomaram a vacina e alguns dias – ou semanas – depois caíram numa gripe com sintomas extremamente desconfortáveis.

Imediatamente duas questões vêm à cabeça de muita gente: ou foi a vacina que deu essa gripe -dependendo da relação entre o tempo da vacina e o início dos sintomas – ou a vacina não adiantou nada.

Qual a resposta correta? Nenhuma das duas.

Vamos entender

É sabido e divulgado que a vacina da gripe não dá gripe. É feita com uma proteína, isto é, um pequeno fragmento dos vírus e esse “pedacinho” é incapaz de produzir doença. Produz, felizmente, a resposta imunológica de defesa; mas não a gripe.

O que ocorre é que na época em que as pessoas tomam a vacina da gripe há outros tantos vírus no ar que – estes, sim- podem dar gripe. A vacina nos protege contra o H1N1, H3N2 e o Influenza B.

Esses são os vírus mais temidos pois podem dar febre alta, dor no corpo, congestão, tosse, dificuldade para respirar e até mesmo insuficiência respiratória e óbito. Esses são os vírus mais “perigosos” e por isso um “fragmento” de cada um está contido na vacina anual.

A vacina da gripe é altamente eficaz. Então, por qual razão muitos pegam gripe mesmo com a vacina em dia?

Porque há outros vírus que também podem dar resfriado ou sintomas de gripe que circulam mais intensamente nesta época do ano. Todos podem dar febre, dor no corpo, dor de cabeça, congestão e tosse.

Geralmente são quadros menos intensos, mas que, dependendo das defesas da pessoa acometida, podem dar sintomas com maior ou menor intensidade.

Quem são eles e qual a característica de cada um?

  • Vírus Sincicial Respiratório: esse vírus acomete tipicamente bebês e crianças pequenas, dando a conhecida bronquiolite que pode ser grave nesta faixa de idade. Em adultos, pode dar muita tosse e um pouco de “chiado” no peito ou broncoespasmo.
  • Rinovírus: esse vírus tem como maior característica a congestão. O nariz fica cheio e entupido. Piora à noite, tornando o sono superficial e entrecortado. O cansaço no dia seguinte é evidente.
  • Coronavírus: dá muita tosse, geralmente seca e dores pelo corpo. Pode dar também dor de cabeça e mal-estar.
  • Adenovírus: pode dar sintomas mais intensos como febre, dor de garganta, dor de cabeça, chiado no peito e pneumonia.

Não custa lembrar: esses vírus são transmitidos principalmente pelo ar e pelas mãos contaminadas. Por isso, arejem os ambientes e lavem as mãos com bastante frequência.

Fonte: G1  Bem Estar

Deixe seu comentário



Powered by EN™ - Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Siga-nos no Facebook Acessar